Monday, December 31, 2007

Esta noite

Este ano não te vou beijar à meia noite. Não vou tecer desejos de vida a dois enquanto como as passas das doze badaladas. Aliás, este ano não vou comer passas, nunca gostei delas e já não tenho 12 desejos.
Esta noite não vamos brindar ao nosso amor e não vamos dizer "amo-te". Não vamos abraçar-nos e entre nós não haverá proximidade, muito menos química.
Esta noite tenho apenas um desejo: libertar-me do passado e ser capaz de perdoar.
Para ti tenho apenas um voto: que deixes de ser egoísta. ... Ah, sim, e que sejas feliz.

1 comment:

Maria Bloch said...

O processo de libertação é duro, longo e penoso. Pode mesmo chegar a ser crual, uma luta contra nós próprios, quase uma luta contra o mundo e amores egoístas que não fazem bem a ninguém. Especialmente se nos agarrarmos a eles sem vermos exactamente a cor da realidade.
Bom ano!